Benedict Cumberbatch detona homofobia de ator de ‘1883’

 Benedict Cumberbatch detona homofobia de ator de ‘1883’

O protagonista de Ataque dos CãesBenedict Cumberbatch, defendeu o longa de Jane Campion dos ataques homofóbicos de Sam Elliot, que chamou o filme de “uma m*rda” e reclamou de “alusões à homossexualidade” durante entrevista ao podcast WTF, na semana passada. Em entrevista ao BAFTA Film Sessions, Cumberbatch comentou o caso. “Estou tentando não falar nada sobre uma reação muito estranha que aconteceu recentemente em um podcast. Uma pessoa ficou muito ofendida pelo modo como o Velho Oeste foi retratado no filme — eu não ouvi à entrevista então seria injusto que eu faça um comentário detalhado”, disse, elegante, o ator sobre a fala da Sam Elliot, que refutou o modo como o filme indicado ao Oscar retrata o gênero do faroeste.

“Além da negação de que alguém possa ter uma existência além da heteronormativa devido à sua profissão ou do lugar onde nasceu, há também uma intolerância massiva no mundo em relação à homossexualidade e à aceitação de tudo o que é diferente”, disse Cumberbatch sobre o caso. Ambientando na Montana de 1925, o drama acompanha um fazendeiro sádico que torna a vida da esposa do irmão, vivida por Kirsten Dunst, e do filho da moça, num inferno. O personagem de Cumberbatch esconde sua homossexualidade, e usa da masculinidade tóxica para se manter “no armário.” Ao desconstruir a imagem do “caubói machão”, a trama incomodou Elliot, que tem alguns faroestes no currículo, entre eles a série 1883.

Digiqole ad

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.